Conheça dicas e lugares para vender roupas e ganhar dinheiro

Será que vender roupas é lucrativo? Aliás, quais são os melhores lugares para fazer essa venda? Se você já se fez essas perguntas pode ficar tranquilo. Você está no lugar certo!

Atualmente existem mais opções do que nunca para sermos “empreendedores fechados” desde nossa própria casa! Os sites e as redes sociais estão se tornando mais especializados e segmentados para compradores específicos, por isso, há muitas opções que se ajustam ao seu estilo de vendas pessoal.

Basta escolher o que mais combina com você e não perca mais tempo. Comece já a vender roupas e conte com a Authentic Store para adquirir roupas de qualidade! Faça uma boa leitura.

Onde vender roupas?

Veja, a seguir, alguns lugares que você pode vender roupas on-line:

1 Instagram

Vender roupas por meio de uma loja do Instagram é uma ótima maneira de ganhar um dinheiro extra. Sem taxas ou com terceiros para enfrentar, você pode estar completamente no controle do que você lista, quanto tempo ele permanece ativo e como você lida com frete e devoluções.

A maioria das pessoas que compram no Instagram se sentem confortáveis ​​usando o paypal, portanto, certifique-se de ter configurado essa conta para vender roupas, bem como uma maneira fácil de as pessoas entrarem em contato com você. Não deixe, nesse caso, de usar consistentemente as principais hashtags em todas as suas postagens.

2 ThredUp

O ThredUp coloca você no jogo de consignação a um preço acessível e com pouco incômodo. Enquanto a empresa normalmente aceita menos de 40% do que lhes é enviado, seus esforços rigorosos de qualidade ajudam a garantir que apenas os produtos mais comercializáveis ​​cheguem ao site.

Essa opção é mais como uma consignação tradicional e é mais usada quando você tem um alto volume de itens em vários níveis de preço e níveis de qualidade que deseja vender. O ThredUp também permite que o produto da sua venda seja pago em dinheiro, seja usado para comprar coisas novas no site ou doar para uma causa favorita.

3 eBay

Este varejista on-line clássico ainda oferece uma das maiores faixas de produtos em todos os pontos de preço e pontua grande pela facilidade de uso! Ao vender roupas da Authentic Store seu lucro será garantido, não há com o que se preocupar.

4 Facebook Marketplace

Se você notou uma atualização na parte inferior do seu aplicativo do Facebook, parabéns! Você mora em uma área onde o novo mercado do facebook foi lançado. Se não, não se preocupe! O Facebook está começando com áreas menores para testar todos os bugs e melhorar antes de entrar nas grandes cidades.

A grande coisa sobre o Facebook Marketplace é que você pode facilmente encaixar e categorizar seus itens, mas em vez de receber spam pelo resto de sua vida, o Facebook mantém todas as suas mensagens classificadas nitidamente por item.

Uma vez que você se encontrou em um lugar público e trocou dinheiro, clique em um botão para marcar o item vendido e ele não será mais exibido na pesquisa.

5. Depop

O aplicativo é projetado apenas como o Instagram – você faz o upload de uma imagem do seu item no formato quadrado usual (e você pode fazer o upload de uma série, se quiser) e adicionar uma legenda abaixo com mais informações.

Há também opções para definir os preços e selecionar o tamanho do item. Para vendedores novatos, o processo de fazer upload de suas coisas e fazer sua primeira venda é super fácil.

Você pode vender praticamente qualquer coisa que está em seu guarda-roupa aqui, mas coisas vintage tendem a ser as mais populares, ou roupas de rua que já estão esgotadas na loja.

Você pode postar roupas, sapatos, joias e até coisas de estilo de vida, como cartazes, livros e discos – literalmente vale tudo.

Encontre o seu nicho, construa uma mini-marca e expanda seus seguidores.

6. Vinted

O Vinted é um enorme mercado online para a venda de roupas, com milhões de usuários. É parecido com o Depop, pois praticamente qualquer coisa vale – você faz upload de seus itens, define a taxa e compacta as coisas quando elas são vendidas.

No entanto, o Vinted tem um público-alvo um pouco mais antigo – é mais provável que você encontre sua mãe lá.

Como na maioria das plataformas de roupas de segunda mão, se você comprou algo que comprou recentemente, mas não se encaixa, é muito mais provável vender do que alguma coisa de alguns anos atrás.

Melhor ainda, se você conseguir levar um item de rua popular que venda na loja rapidamente, poderá vendê-lo pelo dobro do preço aqui.

Dicas para vender roupas:

Aqui estão algumas coisas para você seguir a fim de vender roupas online da forma correta. Coloque-as em prática o quanto antes e veja melhoras significativas nas vendas.

  • Conheça seu mercado

É importante ter em mente que as pessoas são diferentes e, sendo assim, você precisa conhecer o seu mercado antes de qualquer coisa. E isso quer dizer conhecer tanto os concorrentes quanto os seus clientes. Afinal, só dessa forma você conseguirá saber como vender roupas da melhor forma.

  • Tente encontrar um nicho

Você tem um certo estilo, como retro ou vintage, ou grandes quantidades de um determinado item, como acessórios e joias? Se você puder dar um tema à sua página, atrairá clientes fiéis que continuarão voltando sempre.

  • Saiba o preço das peças de roupa para vender

Essa parte pode ser complicada, mas tente pensar racionalmente.  Isso também garante que você está sendo eficiente com o seu tempo e não está gastando muito tempo negociando um preço que talvez devesse ter sido menor em primeiro lugar.

Embora você possa fazer isso por meio de uma pesquisa rápida no Google, os aplicativos de revenda geralmente apresentam ferramentas nas quais você pode ver quanto o mesmo item já foi vendido no site. Mesmo que outras pessoas estejam vendendo atualmente o mesmo item, você não precisa necessariamente listar um preço menor para ser competitivo. Afinal, basta um cliente para encontrá-lo e fazer uma oferta.

  • Para vender roupas ótimas fotos são fundamentais

Use a luz natural sempre que possível e pense em realmente  estilizar a peça  como você faria na vida. Isso não só ajuda o seu comprador a ter uma imagem mais clara de como a peça se encaixa no guarda-roupa, mas também pode ajudá-lo a vender outras peças complementares do seu closet.

Por exemplo, colocar um plano inteiro junto com algumas peças diferentes com acessórios pode incentivar uma garota a “arrumar” uma roupa do seu armário e fazer várias compras!

  • Escreva uma boa descrição

Informe aos possíveis compradores tudo o que eles precisam saber sobre o item que você está vendendo. Dê detalhes básicos sobre tamanho, marca e condição, bem como detalhes mais sutis. Um par de jeans fica baixo nos quadris? O tecido é pesado ou elástico? Relacione esses detalhes na descrição do seu produto.

Escreva sua lista de produtos perguntando a si mesmo: “Se eu estivesse lendo isso, ficaria feliz em trazer esta peça para o meu guarda-roupa?” Você faz um favor ao comprador quando é honesto e transparente.

Apresentar defeitos antecipadamente preservará sua reputação e a classificação do vendedor, que são tudo em alguns círculos de consignação.

  • Arrume sua mercadoria

Roupas manchadas e enrugadas não vendem bem, então lave ou seque seus itens antes de colocá-los no mercado.
Além disso, esteja atento quando você empacotar seus itens. Dobre as roupas com cuidado e mantenha as bolsas de couro livres de saltos agulha, o que poderia facilmente danificar a bolsa no transporte.

  • Medidas: busto, cintura, comprimento

Meça seus itens à venda – muitas vezes os clientes querem saber o busto, a cintura e o comprimento do item. Inclua isso com a descrição do item. Alguns compradores também querem saber a medida da roupa elástica (esticada e não esticada). Você provavelmente precisará de alguma ajuda para esticar as roupas e medi-las ao mesmo tempo. Inclua sempre que possível as medidas em sua descrição.

  • Seja ativo

A maioria dos mercados online é construída em torno de sua comunidade de compradores e vendedores, portanto, ser um participante ativo sempre ajudará a ter mais atenção na página da sua loja, atualizando suas listagens com frequência, acompanhando e comentando as páginas de outros vendedores, respondendo ao cliente consultas de uma maneira rápida ou mergulhando em conversas em um tópico de discussão ou fórum.

  • Seja responsivo e mantenha um ótimo atendimento ao cliente

Tomar muito cuidado com seus compradores é essencial, especialmente quando você construiu clientes fiéis! Nesses casos, você pode considerar colocar um acessório extra “gratuito” na compra de vez em quando ou ir além e incluir uma nota de agradecimento rápida para a compra. Pequenos gestos como esse podem ajudá-lo a construir uma marca com o passar do tempo!

Gostou das dicas para vender roupas? Acha que elas vão te ajudar de alguma forma? Deixe nos comentários sua opinião e outras dúvidas que surgirem. Além disso, lembre-se de contar com a Authentic Store para comprar roupas de qualidade para vender!

Entre também em contado conosco para saber mais informações sobre as roupas e os preços acessíveis da Authentic Store.

WhatsApp chat